Algumas curiosidades sobre a Web, que acabou de completar 25 anos de vida

1 Comentário
0 Reações Facebook 0 Twitter 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Email -- 0 Reações ×
  • Os pais de Tim Berners-Lee, trabalharam no primeiro computador comercial vendido no mundo.
  • A Web não foi o primeiro projeto de Berners-Lee a utilizar ‘hyperlinks’, em 1980 ele escreveu o código de ENQUIRE, o código foi perdido.
  • Antes de batizar a Web (teia) com tal nome, ele pensou em outros nomes, como “Information Mesh” (malha de informação), “The Information Mine”, e “Mine of Information”(Minas de Informação).
  • Mike Sendall, o chefe de Berners-Lee à época comentou no texto “vago mas excitante”, felizmente ele permitiu que o projeto fosse trabalhado nas horas vagas.
  • Em 1990, Berners-Lee escreveu o primeiro navegador e editor de páginas web, chamava-se “WorldWideWeb.app”, e rodava em um computador NeXT.
  • Este navegador, “WorldWideWeb.app” permitia a interação com a própria página acessada, ou seja, desde o início visualizava-se uma mídia em que todos poderiam interagir.
  • O primeiro website do mundo foi info.cern.ch, e era hospedado no desktop do criador da Web.
  • Os princípios básicos da web, desde o início eram:
    • Universalidade: ela seria feita para funcionar com qualquer tipo de dados, em qualquer aparelho, com qualquer software, e em qualquer idioma. Deve haver a capacidade para fazer link para qualquer tipo de informação.
    • Descentralizada: qualquer um pode criar um site.
    • A tecnologia central é Royalty-Free: não há cobrança de direitos intelectuais pelo uso da Web em si.
    • É o resultado de uma colaboração global.
  • Web não é a mesma coisa que Internet, ela é apenas uma parte, os sites por onde navegamos, as URLs que usamos. A origem da internet data os primeiros protocolos de transferência de dados (pacotes), em 1969.
  • O “//” que vem depois do HTTP, foi copiado por Berners-Lee do sistema de domínios de arquivos das estações de trabalho Apollo. A Microsoft também fez algo parecido, mas usando barras invertidas “\\”.
  • Apesar de muitos sites começarem por ‘www’, isto não é algo necessário, e é apenas uma convenção que vem dos primórdios, para indicar que o servidor a ser utilizado era o Web.
  • Após o WorldWideWeb.app, ser lançado em Agosto de 1991, vários outros foram lançados, como o ViolaWWW, Midas, Erwise, Samba e Mosaic. Este último é considerado o responsável pela popularização da web, e trazia como novidade a possiblidade de mostrar imagens DENTRO da página, juntas ao texto, e não sendo abertas em janelas externas, como nos outros.
  • Posteriormente o Mosaic foi rebatizado como Netscape.
  • Em 1993 Berners-Lee oficialmente tornou a WorldWideWeb uma tecnológica de domínio público, um marco para sua popularização.
  • Em 1994 foi criada o World Wide Web Consortium (W3C), para definir e estabelecer as tecnologias padrões essenciais da rede.
  • Em 2004, Berners-Lee foi transformado em Cavaleiro do Império Britânico, passando a ser referido como “Sir Tim Berners-Lee”.
  • Em 2008, ele lançou a World Web Foundation, coma missão de estabelecer a web como um bem e direito básico, acessível a todos de maneira gratuita.
  • Hoje cerca de 40% da população mundial tem acesso à Web.
  • Os cinco idiomas mais utilizados na rede, em ordem: Inglês, Chinês, Espanhol, Japonês e Português.
  • Existem cerca de 920 milhões de sites ativos no mundo, ainda este ano, deverá ser rompida a marca de 1 bilhão de sites.

Texto adaptado do que foi publicado em Webat25.org.

0 Reações Facebook 0 Twitter 0 Google+ 0 Pin It Share 0 Email -- 0 Reações ×
Próximo

Postagens Similares